Quando os hematomas são sérios e surgem da raiva?

Mohamed Elsharkawy
2024-02-17T20:11:46+00:00
informações gerais
Mohamed ElsharkawyRevisor: admin28 de setembro de 2023Última atualização: 4 meses atrás

Quando os hematomas são graves?

Hematomas podem ser uma indicação de um problema de saúde grave em alguns casos. Embora a maioria dos hematomas sejam normais e não graves, há alguns casos em que você deve consultar o seu médico.

Uma pessoa com hematomas deve consultar um médico em vários casos, incluindo:

  1. Os hematomas continuam aparecendo por muito tempo: Se os hematomas continuarem aparecendo por muito tempo sem desaparecer ou melhorar, um médico deve ser consultado para avaliar o quadro e determinar as possíveis causas.
  2. Hematomas com dor intensa: Se o hematoma estiver causando dor intensa e insuportável, isso pode ser uma indicação de uma lesão mais grave que requer atenção médica imediata.
  3. Hematomas em áreas sensíveis, como cabeça ou abdômen: Se sentir hematomas em uma área sensível, como cabeça ou abdômen, consulte um médico imediatamente. Pode haver perigo para a vida da pessoa ferida e requer avaliação e tratamento imediatos.
  4. Hematomas acompanhados de sangramento anormal: Se você sofrer de sangramento anormal acompanhando um hematoma, como sangramento nas gengivas, sangramentos nasais frequentes ou sangue na urina ou nas fezes, entre em contato com seu médico o mais rápido possível.

Estes sintomas podem indicar um problema de saúde grave, como um problema de coagulação sanguínea ou uma doença sanguínea.

Não subestime qualquer tipo de hematoma que seja acompanhado de sintomas anormais ou que cause dor intensa. É importante procurar atendimento médico quando necessário e seguir as orientações do médico para diagnóstico e tratamento adequados.

imagem 18 - Blog Eco da Nação

Quais são os tipos de hematomas? 

  1. Hematomas subcutâneos: Este é o tipo mais comum de hematoma e não rompe diretamente a pele. O sangue se acumula sob a superfície e a cor do hematoma varia entre vermelho, roxo e azul. Esses hematomas geralmente são indolores e desaparecem após um período de tempo.
  2. Contusões musculares: Essas contusões ocorrem nos músculos subjacentes à pele. O sangue vaza dos vasos sanguíneos danificados para os músculos, fazendo com que o hematoma aumente de tamanho. Esses hematomas são mais graves e dolorosos do que os hematomas subcutâneos diretos.
  3. Contusões ósseas: Este é o tipo de contusão mais grave e doloroso, onde o osso é atingido diretamente. Os vasos sanguíneos que cercam o osso se rompem, fazendo com que o sangue se acumule abaixo da superfície. Esses hematomas aparecem vermelhos, azuis ou pretos.

A duração e a gravidade dos hematomas dependem de vários fatores, incluindo a gravidade da lesão. Os hematomas podem durar de dias a meses antes de desaparecerem completamente.

Alguns sintomas adicionais podem aparecer quando você tem um hematoma, como dormência na perna ou no braço e dificuldade de movimentação. Caso os sintomas piorem ou o hematoma persista por muito tempo sem melhora, pode ser necessário consultar um médico.

Quantos dias leva para os hematomas desaparecerem?

Os hematomas demoram um certo tempo para cicatrizar, dependendo da área onde ocorreu a lesão e de sua gravidade. Embora hematomas menores desapareçam rapidamente, hematomas mais graves podem retornar à cor normal em até dez dias. Depois disso, a pele recupera a cor natural em cerca de duas semanas.

Se os hematomas persistirem por mais de duas semanas, deve-se recorrer aos tratamentos médicos necessários. Um desses tratamentos inclui a aplicação imediata de uma bolsa de gelo no hematoma. A cura geralmente leva cerca de duas semanas.

Para hematomas oculares, geralmente levam duas semanas para cicatrizar. Pode demorar um período mais longo ou mais curto dependendo da gravidade da lesão, da idade e do estado geral de saúde. Quanto aos hematomas faciais e sob os olhos, são hematomas relativamente pequenos que cicatrizam sozinhos em três a cinco dias.

Por outro lado, você pode notar o aparecimento de hematomas marrons ou amarelos cerca de 5 a 10 dias após a lesão. Essa nova cor é obtida a partir de substâncias específicas produzidas pelo organismo durante a decomposição do sangue coletado na área afetada.

Embora alguns hematomas possam durar meses, durante o período de cicatrização o corpo absorve o sangue coagulado. Em alguns casos, é possível recorrer à aplicação de uma toalha quente sobre os hematomas após dois dias, durante vários minutos, várias vezes ao dia, pois isso ajuda a pele a absorver o sangue mais rapidamente e a acelerar o processo de cicatrização.

imagem 20 - Blog Eco da Nação

Que doenças causam hematomas no corpo?

  1. Distúrbios hemorrágicos: como hemofilia, trombocitopenia ou deficiência de fatores de coagulação. Essas condições afetam a capacidade do sangue de afinar e coagular, levando a sangramento excessivo nos tecidos profundos. Pessoas com essas doenças devem seguir as orientações do médico e tomar os medicamentos prescritos para proteger sua saúde de possíveis complicações.
  2. Doenças genéticas: como o distúrbio de deficiência de coagulação, que é uma condição hereditária em que o corpo sofre de deficiência de um dos fatores de coagulação. Pessoas com a doença desenvolvem sangramento excessivo nos tecidos profundos.
  3. Efeito dos medicamentos: Tomar alguns medicamentos pode ser a causa de hematomas. Se a causa for a medicação, o aparecimento de hematomas pode ser acompanhado de distúrbios digestivos, como inchaço, gases, dor, azia, náusea, vômito, diarréia ou prisão de ventre.
  4. Câncer: Manchas azuis raramente são uma indicação de alguns tipos de câncer, como a leucemia, que envolve a produção de uma grande quantidade de células sanguíneas anormais. Além da leucemia, a vasculite pode ser uma das possíveis causas de hematomas no corpo e pode ser acompanhada pelo aparecimento de manchas azuis na pele, resultantes de inflamação nos vasos sanguíneos, falta de ar, dormência nas extremidades e úlceras estomacais.
  5. Ter diabetes: O açúcar elevado no sangue pode causar danos aos vasos sanguíneos e ao aparecimento de hematomas no corpo.

Os hematomas são um sintoma de derrame?

Contusões são marcas azuis ou escuras que podem aparecer na pele como resultado de trauma ou lesão, onde o sangue se acumula sob a pele. Esses hematomas geralmente não são graves e desaparecem com o tempo. No entanto, em alguns casos, hematomas podem indicar problemas de coagulação sanguínea.

  • Exposição repetida a hematomas grandes, especialmente se o hematoma aparecer no tronco, nas costas ou no rosto, ou se o hematoma aparecer sem motivo conhecido.
  • Se não tiver outros sintomas de sangramento excessivo, como sangramento nas gengivas ou sangue na urina ou nas fezes.
  • Se você tiver novos sintomas neurológicos além de hematomas.

Para diagnosticar a doença, o médico pode recomendar exames laboratoriais, como exame do grau de coagulação do sangue e exames genéticos especiais.

Algumas outras causas de hematomas são:

  • Aumento da fluidez do sangue: Doenças que aumentam a fluidez do sangue podem ser motivo para o aparecimento de hematomas ou manchas azuis pelo corpo.
  • Distúrbios hemorrágicos: Algumas doenças que afetam a capacidade de coagulação do sangue podem causar hematomas.
  • Tome alguns suplementos nutricionais: Alguns suplementos nutricionais podem afetar a coagulação do sangue e causar hematomas.

Embora hematomas possam ser um sinal de problemas de coagulação do sangue, isso não significa necessariamente que ocorreu um coágulo. Você deve consultar um médico para verificar a condição e descartar outras possíveis causas.

Qual é a causa de hematomas repentinos?

A razão para o aparecimento de hematomas repentinos no corpo pode ser muitas e variadas. De acordo com informações disponíveis online, um dos motivos mais comuns para o aparecimento de hematomas é a falta de vitaminas no organismo, pois algumas vitaminas desempenham um papel importante no processo de cura do corpo e na coagulação do sangue. Portanto, a deficiência dessas vitaminas é uma possível causa de hematomas.

Os hematomas também podem ser causados ​​por distúrbios circulatórios, como veias varicosas, disfunção plaquetária, doenças relacionadas ao sangue e distúrbios de coagulação. Esses distúrbios podem causar danos e ruptura dos vasos sanguíneos sob a pele, causando vazamento de sangue e hematomas.

Outras possíveis razões para o aparecimento de hematomas repentinos no corpo, segundo fontes, são genética, doenças crônicas como diabetes, câncer, doenças do sangue e uso de certos medicamentos.

Os especialistas também apontam que as flutuações hormonais podem ser uma causa comum de hematomas repentinos, especialmente quando o estrogênio diminui nas mulheres.

Determinar a causa exata dos hematomas pode exigir testes adicionais para descobrir as possíveis causas. Portanto, caso os hematomas repentinos apareçam com frequência ou sem explicação, o melhor é consultar um médico para avaliar o quadro e direcionar o tratamento adequado, se necessário.

Os hematomas surgem da raiva?

Embora não existam pesquisas claras que comprovem uma relação direta entre a tristeza e o aparecimento de hematomas, existem alguns fatores que podem contribuir para o aparecimento de hematomas em casos de tristeza ou estresse extremo. Um desses fatores é um alto nível de estresse e tensão que pode fazer com que os vasos sanguíneos sob a pele se contraiam e sejam danificados, tornando-os mais suscetíveis a lesões e hematomas.

Vale ressaltar que as mulheres tendem a ter mais depressão do que os homens, e isso aumenta as chances de os hematomas aparecerem de forma repentina ou inexplicável. Alguns medicamentos usados ​​para tratar a depressão, como os antidepressivos, também podem afetar a consistência do sangue e aumentar a probabilidade de hematomas.

No entanto, é importante ressaltar que qualquer hematoma inexplicável ou persistente deve ser levado ao médico para avaliação. Os hematomas podem ser resultado de outras causas não relacionadas ao distúrbio, como acidentes esportivos, de carro ou até mesmo distensão muscular.

Como os hematomas azuis desaparecem?

  1. Use compressas de água fria: Quando ocorrer lesão ou trauma, aplique compressas de água fria na área afetada por 15 a 30 minutos. Você pode usar bolsas de gelo disponíveis em casa ou um saco de gelo congelado embrulhado em um pano limpo. Este método é repetido regularmente para reduzir o inchaço e a dor.
  2. Uso de bromelaína digestiva: O abacaxi e o mamão contêm uma enzima digestiva chamada bromelaína, que atua suavizando as proteínas que retêm o sangue e os fluidos sob a pele. Portanto, é recomendado consumir essas frutas regularmente para acelerar a cicatrização dos hematomas azuis.
  3. Usando salsa: Esmague as folhas de salsa e coloque-as sobre a área machucada. A salsa acalma hematomas e aquece a área afetada.
  4. Aplicação de compressas quentes: Dois dias após a lesão, compressas de água morna podem ser aplicadas na área afetada por dez minutos. O vinagre de maçã misturado com água pode ser usado como compressa quente.

Qual é o melhor tratamento para hematomas?

1- Uso de pomadas e cremes: Podem ser utilizadas pomadas e cremes que contenham bromelaína, pois tem efeito antiinflamatório e reduz dores, inchaços e hematomas.

2- Terapia com gelo: O gelo ajuda a reduzir o fluxo sanguíneo na área afetada, pois o gelo contribui para o resfriamento dos vasos sanguíneos, o que leva à redução da quantidade de vazamento de sangue e, assim, ajuda a aliviar a dor e o inchaço.

3- Terapia de calor: O calor é usado para acelerar a circulação sanguínea e aumentar o fluxo sanguíneo para a área afetada. Coisas como banhos quentes ou toalhas quentes podem ser usadas para aplicar calor ao hematoma.

4- Repouso: A exposição à pressão ou movimentação excessiva na área afetada deve ser evitada por um período de tempo para facilitar a cicatrização e aliviar a dor.

5- Elevar a área afetada: Um travesseiro ou travesseiro elevado pode ser colocado sob a área afetada para reduzir o inchaço e aliviar a dor.

6- Pressão na área afetada: Pode-se usar um curativo comprimido para aplicar uma leve pressão na área afetada, a fim de contribuir para diminuir a propagação excessiva de sangue e o inchaço.

7- Analgésicos: Se a dor for intensa, podem ser usados ​​analgésicos disponíveis em farmácias para aliviar a dor associada aos hematomas.

8- Procedimentos médicos: No caso de hematomas graves ou que perduram por muito tempo sem melhora, deve-se consultar um médico para obter o tratamento adequado e garantir que não haja outras lesões graves.

É possível tratar hematomas sem consultar um médico?

Quando ocorre um hematoma, os vasos sanguíneos sob a pele se rompem, fazendo com que o sangue vaze e se acumule sob a pele, tornando-a azul ou preta. O hematoma geralmente desaparece gradualmente à medida que o corpo absorve o sangue acumulado sob a pele.

No entanto, existem alguns métodos que podem ser seguidos para acelerar o processo de cicatrização e aliviar a dor associada ao hematoma sem a necessidade de consultar um médico. Entre esses métodos:

  1. Aplicação de compressas frias: Compressas frias ou almofadas de gel frio podem ser usadas na área afetada por 15 a 20 minutos, várias vezes ao dia. As compressas frias reduzem o inchaço da área afetada e aliviam a dor.
  2. Uso de analgésicos: Analgésicos vendidos sem receita, como paracetamol ou ibuprofeno, podem ser usados ​​para aliviar a dor associada a hematomas. Porém, você deve seguir as instruções da embalagem e evitar usar em excesso.
  3. Descanso: A área machucada deve descansar e qualquer atividade que possa agravar a dor ou aumentar os hematomas deve ser evitada.
Ligação curta

Deixe um comentário

seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios são indicados com *


Termos do comentário:

Não ofender o escritor, as pessoas, as santidades, nem atacar as religiões ou a entidade divina. Evite incitação e insultos sectários e raciais.